SINPROJA CHAMA TRABALHADORES(AS) A LUTA CONTRA O DESMONTE QUE O GOVERNO TEMER PROMOVE NA EDUCAÇÃO PÚBLICA. NÃO AO PL 257 E AO PEC 241.

O projeto de emendas constitucional (PEC) 241 limita os gastos públicos por 20 anos, e visa restringir gastos com políticas sociais públicas e  com a educação e saúde.

O PEC 241 além de comprometer a realização de concursos públicos compromete também o reajuste dos salários para os(as) servidores(as) público.

Aprovado e sancionado pelo presidente interino, Michel Temer, atinge frontalmente as metas do PNE (Plano Nacional de Educação), os investimentos em saúde pública, a valorização do salário mínimo.  As aposentadorias e pensões,  alíquotas previdenciárias , mudança na idade de aposentadoria sem respeitar a diferenciação do gênero  homens/mulheres, fim da aposentadoria especial  do magistério da educação básica pública, ampla terceirização e rebaixamento de direitos dos servidores públicos das áreas de ensino, não promoções dos servidores nas carreiras, congelamento de salários, gratificações e etc…, desvincula a receita do petróleo para a educação.

Não podemos ficar de braços cruzados vendo todos nossos direitos se acabarem, vamos juntos com a CNTE, CUT e demais centrais às ruas lutar contra essa covardia que está esse governo golpista está promovendo aos trabalhadores e trabalhadoras,  brasileiros e brasileiras.

Vamos à luta, SINPROJA filiado a CUT e CNTE.

 

Compartilhe