Assembleia delibera por adesão a Greve Geral no dia 11

20161108_102926Reunidos em assembleia, nesta terça-feira, no Clube dos Ferroviários, em Jaboatão centro, os trabalhadores em educação deliberaram pela elaboração de um calendário de lutas em protesto pela defesa da educação pública e contrário a tramitação da PEC 55/16 no senado federal, antiga PEC 241 na câmara de deputados. Além dessa pauta a categoria deliberou pela eleição de delegados ao 33º Congresso da CNTE, além do Conselho de Entidades da confederação, representantes da categoria ao CACs-FUNDEB e por fim a representação do Grupo de Apoio ao Magistério (Goam), para a Conferência Educacional do Sinproja.

10616024_638736592918279_4274837453948801373_nApós os informes o presidente do Sinproja, Ronildo Oliveira, defendeu em assembleia a posição já deliberada pela categoria, contrária a política de bonificação. Assunto que volta a tona na categoria neste final de ano, “A categoria já deliberou em assembleia, contrária a meritocracia. E enquanto direção do sindicato eu defendo esse encaminhamento pelo seu caráter contraditório e injusto com os trabalhadores. Defendemos sim, salário justo e não bonificação” ponderou Ronildo.

Sobre a agenda de lutas, se instituiu a aprovação de um calendário semanal de atividades contra a tramitação da PEC 55/16, já começando nesta sexta-feira (11), dia de Greve Geral, convocada pelas centrais sindicais e movimentos sociais. Neste dia de paralisação, aprovado por unanimidade na assembleia, o sindicato irá promover duas aulas públicas nas ruas de Jaboatão tratando do Projeto de Emenda Constitucional, a primeira será às 7h30 no centro de Prazeres e a segunda às 9h30 em Cajueiro Seco.

Eleição de delegados e representação da categoria

Já durante a eleição dos delegados e representantes da categoria para o 33º Congresso Nacional da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), o CACs-FUNDEB e a representação do Goam para Conferência Educacional do Sinproja, o presidente salientou a importância da constituição da unidade da categoria, para formação das chapas e apresentação dos nomes.

20161108_110722 20161108_103502

 

 

 

 

 

Para o CACs-FUNDEB, foram eleitos Hipólito Lira e Geiza Brasil; para participar do Conselho de Entidades de Base do CNTE, os indicados foram Ronildo Oliveira (delegado nato enquanto presidente do Sinproja), Eugênia Lemos e Dilson Marques; os eleitos delegados ao 33º Congresso da CNTE, que acontece entre os dias 12 e 15 de janeiro de 2017, foram Ronildo Oliveira, Alex Valença, Geiza Brasil, José Roberto, Leonildo Leal e Elaine Trajano. Ao final da assembleia ainda foram definidos os representantes do Grupo de Apoio ao Magistério (Goam), 39 companheiros e companheiras, que participarão da Conferência Educacional do Sinproja, nos dias 16 e 17 de dezembro, em Itamaracá. A representação da categoria de professores e professoras será definida diretamente nas escolas.

Compartilhe